Saltar para o conteúdo

Primavera e verão 

Dormir 

Todos esperamos pelos dias mais longos da primavera e do verão com temperaturas mais quentes. Isso é ótimo quando está ativo, mas quando é altura de adormecer, há quem encontre desafios. Aqui estão algumas razões e dicas que podem ajudar: 

  • Tente manter um horário regular de sono para acompanhar o fluxo do seu ritmo biológico natural para ajudar a manter o seu padrão de sono. 
  • O ar quente e húmido não ajuda quando precisa de dormir, por isso use roupa de cama leve, abra uma ou duas janelas, pegue numa ventoinha ou certifique-se de que o seu ar condicionado está a funcionar corretamente. 
  • Noites de luz podem s escuras sobre as janelas para impedir a passagem da luz. 
  • Mude a posição da sua cama para que fique longe da janela ou numa posição diferente, onde incide menos luz sobre a sua cama e rosto. 
  • Tendem a haver muito mais atividades ao ar livre durante as estações mais leves que criam ruído extra - experimente tampões de ouvidos para ver se o ajudam. 
  • Se sofre de alergias devido ao pólen, lave o rosto antes de dormir para se livrar de quaisquer grãos de pólen que possam estar presos no cabelo, sobrancelhas ou olhos. Se acha que abrir uma janela pode piorar a sua alergia, experimente um ventilador. 

Comer e beber 

As estações mais quentes também trazem todos aqueles petiscos que são tão amados. Saladas frias, caracóis, bebidas frescas, bolas de berlim e gelados na praia fazem parte do verão. É também época de churrascos com costeletas, hambúrgueres e salsichas. Aqui estão algumas ideias sobre padrões alimentares durante os meses mais quentes: 

  • O essencial é tentar não comer muito tarde à noite. É tentador comer mais tarde e às vezes ao ar livre durante as noites mais quentes, especialmente quando as crianças estão de férias. Tente que não seja muito tarde. Dê tempo para que a comida seja digerida antes de ir para a cama, caso contrário, poderá trazer sentir azia indigestão. 
  • Fique de olho na sua dieta em geral durante estas estações também. Deliciar-se demasiado com petiscos e gelados pode levar ao aumento de peso e também desencadear azia e indigestão. Lembre-se que a moderação é a chave. 
  • O tempo quente pode aumentar o risco de desidratação. Mantenha os seus níveis de fluidos bebendo água e comendo frutas e vegetais ricos em água como melões, melancias e pepinos - tudo isso pode contribuir para que se mantenha hidratado. Estar desidratado também pode causar perturbação do sono! 

Outono e inverno 

À medida que os dias começam a encurtar durante todo o outono e inverno, as estações mais frias também têm os seus próprios efeitos particulares na sua capacidade de dormir. Isto inclui o seu estilo de vida e hábitos alimentares. Então, vamos ver algumas dicas úteis para dormir e comer melhor: 

Dormir 

  • Curiosamente, não obter vitamina D suficiente, por não estar à luz do dia por tempo suficiente, está associado a uma maior sonolência diurna. 
  • Como nos meses mais leves, tente manter hábitos de sono regulares. 
  • Pode ser tentador aumentar o aquecimento central em casa em dias mais frios, mas um quarto quente pode provocar dificuldades em adormecer, em vez de o aconchegar para dormir. O ar mais fresco ajuda o seu processo natural de sono uma vez que a temperatura do seu corpo diminui um pouco ao preparar-se para dormir. Fica mais baixa, e sobe gradualmente antes de acordar. 
  • O tempo de outono e inverno pode significar chuva forte e ventos fortes, que causam ruídos indesejados que podem mantê-lo acordado. Não deite fora os tampões de ouvidos que usou no verão, podem ser úteis durante todo o ano. 

Comer e beber 

  • Se quiser ir para a cama mais cedo no inverno, lembre-se de deixar muito tempo para a sua comida digerir antes de ir para a cama - o mesmo princípio que no verão. Deitar-se com o estômago cheio pode provocar azia e indigestão, seja qual for a estação. 
  • É tentador comer comida pouco saudável nos meses mais frios. No entanto, uma dieta equilibrada é tão relevante no outono e no inverno como em qualquer outro momento. 
  • Tenha cuidado com a ingestão de calorias nas estações mais frias. Algumas pessoas podem não ser tão ativas durante estes meses e o excesso de comida pode levar a um ganho de peso indesejado. Mantenha-se ativo trocando passeios de verão ou corridas no parque, por um treino de inverno caseiro. 
  • Embora um café noturno possa parecer quente, a cafeína pode ser um estimulante - talvez não seja a melhor escolha para uma bebida noturna antes de tentar dormir. 

Azia e indigestão à noite 

Já vimos que comer muito perto da hora de dormir pode ser um risco para a azia e indigestão. No entanto, não é só quando se come antes de dormir, mas também o que come. 

Você pode ajudar a prevenir a azia noturna e indigestão evitando alimentos bem conhecidos por provocar estas condições. Tente evitar: 

  • Grandes refeições; 
  • Alimentos picantes; 
  • Alimentos gordurosos; 
  • Bebidas com álcool, cafeína e gaseificadas. 

Em vez dos tipos de alimentos listados, tente escolher alimentos mais leves e mais facilmente digeridos, como frango, arroz ou massas. Algumas pessoas preferem escolher chás de ervas ou bebidas à base de leite à noite, em vez de café ou álcool. 

Tratamento com Gaviscon 

Qualquer que seja a estação, a hora do dia ou o tempo 

Enquanto tenta ajustar-se ao efeito de cada estação nos seus padrões de sono e hábitos alimentares, ainda pode sofrer alguma azia e indigestão. É onde Gaviscon pode ajudá-lo. 

Gaviscon neutraliza rapidamente o ácido do estômago e forma uma barreira protetora sobre o conteúdo do estômago. Isto ajuda a manter o ácido no seu lugar e proporciona um alívio eficaz dos seus sintomas. 

Se tem dificuldades em adaptar-se às estações do ponto de vista do sono, esperemos que algumas destas dicas lhe sejam úteis. 

 

Toda a informação apresentada neste artigo não se destina a diagnosticar ou prescrever. Leia sempre o rótulo. Se os sintomas forem graves ou prolongados, deve consultar um médico ou farmacêutico. Fale sempre com o seu médico ou farmacêutico antes de tomar qualquer medicamento.

Artigo publicado January 1, 2021